Tudo sobre carro elétrico: preço, tecnologia, vantagens e desvantagens

Os carros elétricos têm tudo para ser o futuro do mercado automotivo. Um carro elétrico é um automóvel movido por um ou mais motores elétricos, usando energia armazenada em baterias recarregáveis. Se antes contávamos com apenas uma opção da categoria, agora já possuímos mais opções no mercado de elétricos. 

No mundo todo, grandes montadoras como a Nissan, Chevrolet, BMW e Renault já têm seus carros elétricos em mercado. Contudo, entre os novos modelos que foram lançados, nenhum pode ser considerado acessível. 

O problema não é a exclusividade, já que veículos com essa estrutura são mais caros em todo o mundo. No entanto, aqui no Brasil o problema se agrava, devido à importação e impostos.

Ainda assim, estamos mais próximos da popularização de carros elétricos do que antes. Globalmente, a eletrificação é um caminho sem volta, mas não é um caminho excludente.

os carros elétricos devem passar de 2 milhões para 56 milhões de unidades até 2040
Segundo o relatório da Bloomberg New Energy Finance, em todo mundo, os carros elétricos devem passar de 2 milhões para 56 milhões de unidades até 2040, e serão mais da metade da frota de veículos no mundo todo.

No Brasil, o segmento de carro elétrico começou a surgir com iniciativas empresariais e governamentais, incluindo empresas públicas e privadas.

Dessa forma, concessionárias de energia elétrica e de rodovias, transportadoras de encomendas, os Correios, polícias militares, guardas municipais, Itaipu Binacional, prefeituras, entre outras entidades, começaram a receber carros elétricos para seus serviços, sendo depois expandido para taxistas e serviços de compartilhamento público-privado.

Por aqui, temos um histórico recente bem bacana para entender esse mercado, que começou muito tímido.

Contudo, identificamos dois tipos de consumidores, aquele executivo que trabalha em uma empresa sustentável e quer passar uma mensagem para a sociedade e os que querem um carro diferente e adoram tecnologia.

A evolução dos carros elétricos

Hoje em dia, com a tecnologia mais acessível e com o preço alto do combustível, os carros híbridos e também os totalmente elétricos podem finalmente se tornar realidade para a sociedade.

A Qualcomm, fabricante de micro-processadores para smartphones e tecnologias embarcadas, incluiu a tecnologia Qualcomm Halo nos Safety Cars da Fórmula E, permitindo que eles possam ser recarregados automaticamente, sem necessidade de cabos.

A tecnologia Qualcomm Halo, permite que os carros sejam recarregados automaticamente
A tecnologia Qualcomm Halo, permite que os carros sejam recarregados automaticamente através de uma ressonância magnética para transferir energia Qualcomm Halo por meio de um tapete instalado no solo que se conecta com outro instalado no veículo.

Diante disso, nos últimos meses houve no Brasil uma sequência de lançamentos de veículos elétricos e híbridos.

Portanto, também aumentaram as instalações de postos de recarga de energia, movimento visto como aviso das fabricantes de que o país não ficará de fora da onda de eletrificação que ocorre mundo afora.

Contudo, os preços dos modelos ainda limitam as vendas e a participação desse segmento no mercado, que deve seguir restrita por algum tempo.

Veja a seguir, os preços e alguns modelos de carros elétricos.

Preço dos carros elétricos e os modelos a venda

Apesar do esforço por parte das montadoras e das companhias energéticas, o presidente da Bright Consulting, Paulo Cardamone, ressalta que os preços dos modelos 100% elétricos à venda aqui no Brasil, devem ficar entre R$ 154 mil e R$ 450 mil.

Isso, corresponde a uma faixa de consumo de no máximo 10% do mercado total de veículos.

Segundo Cardamone:

Ele não acredita que todos os compradores de diferentes tipos de veículos a combustão nessa faixa de preço irão migrar para elétricos e híbridos no curto prazo, afirma. 

Para ele, modelos com essa tecnologia continuarão sendo um nicho restrito de mercado e seguirão sendo importados, pois não há previsão de se chegar a uma escala de vendas que justifique a produção local.

Já os modelos híbridos, com um motor a combustão e outro elétrico, tendem a ter melhor performance no mercado brasileiro, principalmente aqueles que custam entre R$ 125 mil e R$ 180 mil.

Veja 12 opções de carros elétricos no Mundo e no Brasil que já estão à venda e as que chegarão às lojas por aqui em breve.

  • 1. JAC iEV40
carro 100% elétrico JAC iEV40
Quando chegou ao Brasil, o JAC iEV40 custaria R$ 129.990 mil, depois passou para R$ 139.990 e, agora, é oferecido por R$ 153.500 mil. Se tornando um dos carros elétricos mais baratos do país.
  • 2. JAC iEV20
Carro 100% elétrico JAC iEV20
O iEV20 já está no site oficial da marca JAC, e a entrega está prevista para começar em  janeiro de 2020. Apresentado em setembro de 2019, o modelo é feito sobre os moldes do J2, compacto que a marca já vendeu por aqui. Os preços do JAC iEV20 ficam por volta de R$ 119.990 mil.
  • 3. Renault Zoe
carro 100% elétrico Renault Zoe
Sucesso de vendas na Europa, com 300 km* de autonomia e 100% elétrico, o modelo elétrico da Renault, se encontra em pré-venda no site da marca. Contudo, é possível fazer um test drive do Zoe, nas concessionárias da Renault em São Paulo (SP) e Curitiba (PR). Os preços do Renault Zoe partem de R$ 149.990 mil.
  • 4. Chevrolet Bolt
carro 100% elétrico Chevrolet Bolt
Entrando na onda dos carros elétricos no Brasil, a Chevrolet trouxe para cá seu compacto Bolt. Contudo, o modelo está sendo vendido por volta de R$ 175 mil, acompanhado de um “carregador básico” que se encaixa em uma tomada residencial de 220 v, mas alimenta apenas 10 km por hora.
  • 5. BMW i3
carro 100% elétrico BMWi3
Com preços que podem variar de R$ 205.950 a R$ 257.950 mil, o BMW i3 foi o primeiro elétrico a ser vendido para o público no país e, por muito tempo, representou a categoria dos carros elétricos no Brasil sozinho.
  • 6. Nissan Leaf
carro 100% elétrico Nissan Leaf
Sendo um dos carros elétricos mais vendidos no mundo, o Nissan Leaf também está em pré-venda no site da marca. Inicialmente, o compacto era oferecido em pré-venda por R$ 178.400 mil. Quando a segunda geração do modelo chegou ao Brasil, as vendas normais foram iniciadas por R$ 195 mil. O Nissan Leaf está disponível em sete concessionárias da marca, nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba, Porto Alegre e Florianópolis.
  • 7. Chery Arrizo 5e
carro 100% elétrico Chery Arrizo 5e
O carro elétrico da Caoa Chery, foi apresentado no início de outubro de 2019. Importado da China, um dos grandes diferenciais do modelo é ser o único sedã da categoria. Os preços do Chery Arrizo 5e partem de 159.990 mil.
  • 8. Jaguar I-Pace
carro 100% elétrico Jaguar I-Pace
Lançado em maio de 2019, o Jaguar I-Pace é considerado o mais caro da categoria, mas também se caracteriza por ser um utilitário esportivo de luxo com performance destacada. O Carro da Jaguar, foi o último dos carros elétricos a chegar aqui no Brasil, e os preços partem de 437.000 mil.
  • 9. Tesla Model S
carro 100% elétrico Tesla Model S
O sedã topo de linha da Tesla é o Model S, é oferecido sob encomenda com preços que variam de R$ 560 mil a R$ 950 mil, nas versões 75D, 100D e P100D.
  • 10. E.COTECH4
carro elétrico 100% E.COTech4
Compacto e barato, o E.COTech4 é um carro elétrico brasileiro para uso em perímetro urbano. Com um motor com 5 kW de potência, o carro pode chegar a 60 Km/h, e com a bateria em gel, o carro pode chegar a 100 Km de autonomia. O veículo já está à venda e custa a partir de R$ 57.980 mil. Também é possível comprar uma versão mais compacta do carro, com dois lugares.
  • 11. Volkswagen e-Golf
carro 100% elétrico Volkswagen e-Golf
Até mesmo a Volkswagen deverá entrar na dança dos carros elétricos. Além do híbrido GTE, a marca irá importar o elétrico e-Golf. Disponível nas versões híbridas e 100% elétrico, o Golf mostra os esforços da tradicional Volkswagen no mundo dos elétricos. O e-Golf tem autonomia de 200 Km com uma carga na bateria, custando R$7,92 a cada 100km e os preços no Brasil considerando impostos e taxas, ficam por volta de R$ 301.538 mil.

12. Kia Soul EV

carro 100% elétrico Kia Soul EV
O carro elétrico da Kia, alcança 179 km na estrada e 219 km na cidade, ou seja, tem uma média de 199 km de autonomia, atingindo uma velocidade máxima de 145 km/hora. Além disso, ele conta com duas tomadas padrões localizadas atrás da porta deslizante na grade dianteira, uma AC para carga normal e outra DC para o carregamento rápido, de 480 V.
Sobre o preço do carro, a empresa ainda não definiu um preço estimado ou data de chegada, já que a Kia ainda espera que o incentivo para este tipo de veículo seja adotado também no Imposto sobre Produtos Industrializados.

Tecnologia empregada no carro elétrico

Para os motoristas, o grande atrativo dos elétricos são a ausência de ruído do motor e a economia com relação a gasolina. De acordo com alguns especialistas, um motor elétrico tem rendimento acima de 90%, muito maior que o motor de combustão interna, que possui cerca de 50% de rendimento.

Contudo, como não possui um motor a combustão, os carros 100% elétricos não correm o risco de a chamada “pane seca”, que é quando o carro para por falta de combustível.

Entre outros itens, um carro elétrico também não possui radiador, catalisador, bomba de água, além de não precisar realizar as trocas de óleo, velas do motor, filtro de combustível e do óleo e correia dentada.

Recarga do carro elétrico

Outro desafio dos carros elétricos é aprimorar o tempo e a oferta de opções de recarga.

Estação-de-recarregamento-de-carro-elétrico
Atualmente a maior parte dos veículos elétricos pode ser recarregado em tomadas convencionais, mas uma carga completa requer entre 6 e 8 horas.

Nos Estados Unidos e na Europa, já existem dispositivos especiais que recarregam 80% da bateria em 30 minutos. Não é instantâneo como encher um tanque, mas é rápido o suficiente para reabastecer enquanto se faz um lanche por exemplo.

No entanto, alguns países estão empenhados em expandir a infraestrutura de recarga.

Nos Estados Unidos já são mais de 10 mil recarregadores. Em Londres, a prefeitura implementa uma rede pública e subsidia a instalação em residências e empresas. Em Israel, um programa testa outra saída: em vez de recarregar a bateria, os motoristas vão a estações onde podem trocar a sua pilha fraca por uma cheia em cerca de 5 minutos, apenas.

Contudo, em breve, os proprietários de veículos elétricos poderão entrar em um posto de combustível, ligar o carro, entrar na loja de conveniência e, em 5 ou 10 minutos, sair com a bateria do automóvel completamente carregada.

Painel solar para carros elétricos

Uma start-up australiana (EVX Ventures),  desenvolveu o modelo The Immortus 100% elétrico, ele tem um visual futurista, possui espaço para duas pessoas e promete muita autonomia, podendo ser dirigido por um dia inteiro, se mantida uma velocidade média de 60 km/h, sem necessidade de parar.

O veículo-conceito The Immortus foi desenvolvido por uma start-up australiana para funcionar com um painel solar

Para isso, o modelo conta apenas com uma pequena bateria com capacidade de 10 kWh, já que possui um painel solar que a recarrega enquanto o carro é dirigido ou está parado sob o sol.

Esses painéis solares são montados nos tetos ou capôs dos veículos, e os veículos equipados com painéis solares terão a capacidade de recarregar cerca de 60% da bateria interna em um dia com bastante sol.

No entanto, muito mais próximo da realidade, as montadoras Hyundai e Kia, decidiram instalar painéis solares em alguns modelos de carros. Com isso, as montadoras planejam lançar seus veículos elétricos a partir de 2020.

7 Vantagens do carro elétrico

1ª Vantagem: manutenção

Os motores elétricos não possuem centenas de peças móveis nem troca de óleo, água, ou correias. Nem caixa de marchas, diferencial ou cardã. Tem uma única peça móvel. E não ferve…

2ª Vantagem: menos poluentes

Não polui, mas a produção de energia elétrica nem sempre é das mais limpas. Quem o defende alega que, na pior das hipóteses, a poluição é deslocada dos centros urbanos para o campo.

3ª Vantagem: prático

Não tem o enorme espaço roubado por motor e transmissão, sobrando muito mais para passageiros e bagagem.

4ª Vantagem: eficiente

Nem se compara a eficiência do elétrico (95%) com o motor a combustão (35%), que já deveria ter virado peça de museu há tempos.

5ª Vantagem: custo por km

Cerca de três vezes mais eficiente, reduz o custo do km rodado.

6ª Vantagem: desempenho

Torque total desde que se encosta o pé no acelerador. Pode ter tração integral sem o peso nem o espaço ocupados pelo eixo cardã dentro de um túnel: um motor no eixo dianteiro, outro no traseiro. E centro de gravidade lá em baixo pois as baterias ficam sob o assoalho.

7ª Vantagem: opções de fontes de energia

A corrente elétrica não necessita de pesadas baterias: pode ser gerada no próprio carro por uma célula a combustível, alimentada por hidrogênio ou outro combustível (liquido ou gasoso) do qual se extrai o H2. Ou ter geração limpa: eólica, solar, biomassa ou hidroelétrica.

7 Desvantagens do carro elétrico

1ª Desvantagem: baterias

Estão em processo de desenvolvimento mas ainda pesadas, caras e de reciclagem complicada.

2ª Desvantagem: emissões de gases poluentes

O elétrico roda limpo, mas a produção de baterias e sua recarga podem gerar emissão de CO2. O que depende de como se gera energia elétrica no país: na China e na Alemanha, por exemplo, parte dela ainda vem de usinas de carvão.

3ª Desvantagem: autonomia

Desde os primeiros elétricos, no início do século XX, este problema ainda não foi bem resolvido. A autonomia dos carros eléctricos situa-se normalmente entre os 100 km e os 200 km, o que em certas situações é baixo.

4ª Desvantagem: recarga

As baterias demandam horas para serem completamente recarregadas. Ao contrário do combustível líquido. 

5ª Desvantagem: pontos de recarga

Este ainda é um ponto desfavorável: onde instalar o equipamento de carga rápida? E quem não tem garagem em casa? E numa viagem, quando existirão suficientes pontos de recarga rápida na estrada?

6ª Desvantagem: investimento inicial

O carro elétrico tem um custo a mais que o convencional pois as baterias ainda são muito caras.

7ª Desvantagem: opções

Ainda são poucas as opções e fabricantes de carros elétricos para o consumidor.

Por fim, vimos que já é uma realidade o crescimento do mercado de carros elétricos, com novas tecnologias, pesquisas, investimentos e financiamentos para estes modelos.

carro sendo carregado de energia
Contudo, vimos também que os carros elétricos são mais silenciosos e podem ser mais ecológicos do que carros movidos a álcool ou gasolina.

Mas ainda vai demorar um pouco para você esquecer o posto de combustível e reabastecer na tomada de casa.

Nós, do Catarina Carros, estamos sempre à disposição para ajudá-los com os melhores conteúdos.

Você gostou do nosso artigo falando tudo sobre o carro elétrico? Quer receber mais dicas como essas?

Então, não deixe de acompanhar as nossas postagens aqui do blog, e siga-nos no Facebook e Instagram pra ficar por dentro de todas as nossas novidades!

Leia também:

foto
12 carros com porta-malas grande: ideal para quem gosta de viajar
Próximo